A produção e a venda de motocicletas caíram em 2017, na comparação com 2016. Segundo a Abraciclo, a associação de fabricantes do setor, foram produzidas 882.876 motos no país em 2017, 0,5% menos do que as 887.653 no ano anterior.

A queda é a sexta consecutiva desde 2011, quando o setor passou de 2,13 milhões de motos produzidas para 1,69 milhão em 2012. De lá pra cá, todos os anos apresentaram redução na produção.

Já nas vendas, a queda foi um pouco maior, de 5,4%, passando de 899.793 em 2016 para 851.013 no ano passado.

 Em dezembro, a produção de motos aumentou 110% na comparação com dezembro de 2016. Foram fabricadas 69.008 unidades, contra 32.814 no período anterior. Os emplacamentos, por outro lado, recuaram 4,2%.

Para 2018, a Abraciclo espera um cenário diferente. A entidade projeta alta de 5,9% na produção e 1,6% nas vendas para este ano, chegando a 935 mil motocicletas produzidas e 865 mil emplacadas.

Fonte: https://g1.globo.com/carros/motos/noticia/producao-de-motos-no-brasil-cai-05-em-2017-diz-abraciclo.ghtml